100% de ocupação hoteleira: Feriado prolongado aquece a hotelaria nos Lençóis e Delta

Com picos de ocupação hoteleira de até 100%, o feriado prolongado do Dia de Finados, celebrado no dia 02 de novembro, promete movimentar o setor de turismo no estado, um dos mais afetados pelos efeitos da pandemia do novo coronavírus.

De acordo com levantamento da Secretaria de Estado do Turismo (Setur), realizada por meio do Observatório do Turismo do Maranhão, os polos Lençóis Maranhenses e Delta das Américas se destacam com alta taxa de reservas para o período, os destinos mais procurados são Tutóia (100%), Santo Amaro (87,2%) e Barreirinhas com 74,7% das suítes reservadas para o feriado prolongado. Os números foram fechados no dia 29 deste mês e poderão ser maiores diante da expectativa de lotação máxima, após as vendas de balcão que serão realizadas paras as poucas unidades habitacionais ainda disponíveis.

O crescimento da circulação de turistas também tem sido percebido através dos dados apresentados pela movimentação aérea, o aeroporto Marechal Cunha Machado, principal aeroporto do estado, apresentou crescimento no mês de setembro de 31% no número de desembarque em relação ao mesmo período do ano anterior. São mais de 725 pousos de aeronaves no referido mês.

Com o intenso ritmo de vacinação, o Maranhão segue trabalhando para ser um destino seguro. “Com o avanço da imunização no estado, os turistas estão se sentindo mais seguros para voltar a viajar e isso está se refletindo em bons índices para a hotelaria no estado”, explicou a coordenadora do Observatório do Turismo, Mariana Cronemberger.

O estado foi pioneiro no Brasil em estabelecer protocolos sanitários nos meios de hospedagem, agências, no acesso aos atrativos, transportes, dentre outros. Mesmo com a retomada do turismo, os visitantes devem ficar atentos aos protocolos de segurança como o uso de máscaras, álcool em gel e distanciamento.

Deixe uma resposta