Ciro deu aval a aliança com PT em SC, diz pedetista

O presidente do PDT em Santa Catarina, Manoel Dias, disse ter recebido o aval de Ciro Gomes (foto) e do presidente nacional da sigla, Carlos Lupi, para fechar uma aliança com o PT no estado, informa O Globo.

No sábado (17), Dias anunciou seu apoio ao candidato petista ao governo catarinense, Décio Lima, em troca da indicação do candidato ao Senado pela chapa. Com isso, o presidenciável do PDT, em terceiro lugar nas pesquisas, terá de dividir o palanque com Lula em Santa Catarina.

“Cada estado tem a sua realidade, isso foi conversado. Sou presidente da Fundação Leonel Brizola e secretário nacional do PDT, não tinha como não falar com eles. Eles [Ciro e Lupi] deram o OK”, declarou Dias ao jornal carioca.

“De acordo com o presidente do PDT catarinense, a aliança com o PT tem como objetivo formar uma frente ampla contra os aliados do presidente Jair Bolsonaro (PL) no estado. Hoje, o mandatário tem ao menos dois palanques em Santa Catarina: do atual governador, Carlos Moisés (Republicanos), e do senador Jorginho Mello (PL-SC)”, escreve O Globo.

Deixe uma resposta