Com taxa reduzida de contágio, Maranhão mantém estabilidade em mortes por Covid-19

O Maranhão mantém o quadro de estabilidade no número de mortes por coronavírus. Esse quadro vem acompanhado da taxa de contágio abaixo de 1. Quanto menor a taxa, melhor.

A estabilidade no número de mortes se verifica na chamada média móvel dos últimos sete dias. Esse período dá mais confiabilidade aos números.

Esse é o padrão levado em conta pelo levantamento diário realizado pelo Consórcio de Veículos de Imprensa.

Ao analisar os dias 20, 21 e 22 de setembro, por exemplo, a média móvel do Maranhão permaneceu fixa em 10 óbitos por dia e variação igual a zero. O mesmo cálculo pode ser observado no Painel Conass (conass.org.br/painelconasscovid19/).

“A média móvel é calculada a partir de dados que são públicos e, no Maranhão, já se estabilizou há algumas semanas, num número bem baixo”, diz o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

“Hoje a nossa média móvel é similar ao que a gente tinha no final do mês de março e início de abril. A gente está, na verdade, no finalzinho da curva, considerando que não tivemos uma segunda onda. Estamos numa situação estável, mas estável em baixa”, acrescenta.

Segundo Carlos Lula, “a gente está longe de ter um acréscimo de óbitos pela doença. Já temos há algumas semanas uma situação de estabilidade de baixa, tanto de casos quanto de óbitos”.

Contágio

Há 97 dias, o Maranhão está na faixa abaixo de 1 de contágio de coronavírus, de acordo com o projeto Covid-10 Analytics, da PUC e da FGV-Rio. A taxa atual é de 0,84.

Quando há contágio abaixo de 1, uma pessoa transmite o vírus para menos de uma pessoa. Ou seja, a tendência é de desaceleração nos casos de coronavírus.

Deixe uma resposta