Conselho Nacional do MP remarca reunião sobre processo de Lobão contra procuradores da Lava Jato

Por causa da sabatina de Augusto Aras no Senado, o Conselho Nacional do Ministério Público remarcou para 13 de setembro a reunião para decidir se abre um processo disciplinar que pode levar à demissão de onze procuradores da Lava Jato do Rio.

O pedido de abertura do processo disciplinar partiu dos ex-senadores Romero Jucá e Edison Lobão, e de Márcio Lobão.

Os três alegam que houve vazamento de informação sigilosa de uma operação que não estava sob sigilo de justiça. quando o site do MPF do Rio publicou informações sobre o andamento do caso envolvendo supostos crimes praticados por eles na construção da usina Angra 3.

Em resposta ao conselho, os procuradores disseram que não havia nenhum pedido de segredo de justiça pela acusação ou defesa.

1 pensou em “Conselho Nacional do MP remarca reunião sobre processo de Lobão contra procuradores da Lava Jato

Deixe uma resposta