IEMA inicia segundo ciclo de colação de grau nesta quinta-feira (9)

O sonho de realizar uma educação profissional, científica e tecnológica aliada ao ensino médio, técnico em tempo integral virou realidade para mais de 800 alunos das unidades plenas de Axixá, Bacabeira, Coroatá, Pindaré-Mirim, São Luís Centro, São José de Ribamar e Timon do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA), que vão colar grau durante o mês de janeiro. Esse é o segundo grupo de alunos a se formar no Instituto, criado em 2015 pelo Governo Flávio Dino. Os novos formandos iniciaram o ensino médio e técnico em fevereiro de 2017 e concluíram em dezembro do ano passado.

De acordo com o reitor do IEMA, Jhonatan Almada, com o novo ciclo, o Instituto está formando uma nova geração de pessoas e profissionais. “As formaturas representam a segunda entrega do IEMA para a sociedade, nós formamos 805 técnicos em diferentes cursos com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento do Maranhão. Oferecendo pessoal qualificado que possa atuar no mundo do trabalho e que possa, de fato, empreender ou continuar seus estudos na universidade se assim preferir. É uma contribuição fundamental do governo Flávio Dino ao valorizar e investir naqueles que mais precisam oferecendo educação profissional, científica e tecnológica no Maranhão”, destacou.

Segundo o diretor de Ensino do Iema, Elinaldo Silva, a colação de grau é a realização de um projeto transformador, de inclusão e que leva em conta o projeto de vida dos estudantes. “Estamos realizando o segundo ciclo de formaturas do Instituto formando jovens em diversos cursos. Para nós é uma alegria, é algo bastante celebrado por nós, pois o terceiro ano é o momento de consolidação do projeto de vida dos nossos estudantes. Muitos deles já foram aprovados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e estão nas universidades, e outros já estão no mercado de trabalho ou montando seus próprios negócios. A formatura é um momento de celebração desses três anos que os alunos construíram seus projetos de vida e sua base de conhecimento que é importante para vida inteira deles. Para nós enquanto IEMA é uma satisfação e um orgulho contribuir para que pudessem chegar em um momento ímpar na vida de cada um e dos familiares também”, contou.

Colações
A primeira turma a colar grau é a de Bacabeira, onde o evento acontece nesta quinta-feira (dia 9 de janeiro). Cento e trinta e seis estudantes colarão grau na unidade. Além de concluir o ensino médio, eles saem da escola técnicos em administração, logística e mineração. São duas turmas de administração, uma de mineração e outra de logística. Os formandos do curso técnico em administração são 69. Do curso técnico em logística são 36. Concluíram o curso técnico em mineração 31 alunos.

O grupo de Coroatá é o segundo a colar grau (dia 17 de janeiro). No total, são cento e treze formandos. Eles concluíram o ensino médio e o técnico em agricultura, informática e zootecnia (avicultura). São 27 de agricultura, 62 do curso de informática e 24 alunos formarão em zootecnia (avicultura).

A terceira unidade a colar grau é São José de Ribamar, cujo evento está agendado para o dia 20 de janeiro. Ao todo, são cento e dez estudantes que irão se formar nos cursos técnicos em agricultura, eletromecânica, guia de turismo e informática. São 28 de agricultura, 30 estudantes do curso técnico de eletromecânica, 31 alunos de guia de turismo, e 21 de informática.

Timon será a quarta unidade a realizar a cerimônia de formatura (dia 22 de janeiro). No total, são sessenta e oito formandos. Eles concluíram o ensino médio e técnico nos cursos de serviços jurídicos, equipamentos biomédicos e informática biomédica. Sendo 27 de serviços jurídicos, 22 de equipamentos biomédicos e 19 de informática biomédica.

No dia 24 de janeiro será a vez dos cento e vinte formandos da unidade plena São Luís Centro levantarem o canudo. Serão 30 do curso técnico de eventos, 26 de informática, 33 em meio ambiente e 31 em serviços jurídicos.

A sexta turma a colar grau é a de Axixá, o evento acontece no dia 29 de janeiro. Ao todo, serão cento e vinte oito formandos. Sendo 57 em eletrotécnica e 71 em informática.

Em Pindaré-Mirim a colação de grau está marcada para o dia 30 de janeiro. Cento e trinta é o número de alunos que vão colar grau na unidade. O grupo é composto por jovens que, além do ensino médio, concluem o técnico em agropecuária, recursos pesqueiros e serviços jurídicos. Do curso técnico em agropecuária são 30 alunos, 27 em recursos pesqueiros e 73 do curso técnico em serviços jurídicos.

Deixe uma resposta