Maranhão inicia a vacinação de pessoas com 50 anos ou mais com a quarta dose da Covid-19

O Maranhão deu início à vacinação de pessoas com 50 anos ou mais e trabalhadores da saúde de todas as idades com a quarta dose da vacina contra a Covid-19. O avanço da vacinação para este público foi recomendado pelo Ministério da Saúde através de nota técnica enviada aos estados.

A segunda dose de reforço deve ser aplicada quatro meses após a terceira dose. Para a vacinação, os municípios poderão usar os imunizantes da Pfizer, Janssen ou AstraZeneca, independentemente das vacinas que a pessoa tenha tomado antes.

O secretário de Estado da Saúde, Tiago Fernandes, faz um alerta para que a população atualize seus esquemas vacinais contra a Covid-19. “Hoje nós já conseguimos ver o resultado da vacinação, estamos vivendo esse momento de festa junina, que nos últimos dois anos, por conta da disseminação do vírus da Covid-19, não foi possível. Quando progredimos com a vacinação, temos essa segurança de estarmos juntos sem a possível contaminação em massa como a gente viveu em anos anteriores”, disse Tiago Fernandes.

No Maranhão, a cobertura do esquema básico (D1+D2 ou dose única) é de 61,1% da população vacinada. A estimativa de público a ser vacinado com as doses de reforço é de mais de 4 milhões de pessoas, e, até o momento, apenas 36% da população foi vacinada com a terceira dose contra a Covid-19.

“Estamos avançando na idade do público-alvo para dar celeridade à campanha de vacinação contra a Covid-19, ampliando a aplicação da quarta dose para pessoas de 50 anos ou mais e trabalhadores da saúde de todas as idades. Todos os pontos de vacinação dos municípios maranhenses já estão recebendo esse público”, afirmou a coordenadora de imunização da SES, Halice Figueiredo.

A vacinação contra a Covid-19 está disponível nos postos municipais e, para ampliar a cobertura vacinal, o Estado disponibiliza três pontos na capital: o IEMA Rio Anil (antigo Cintra) e as policlínicas Cidade Operária e Vinhais.

Também está disponível no Maranhão a 3ª dose da vacina contra a Covid-19 para adolescentes de 12 a 17 anos. Para a vacinação, é necessária a apresentação de documento pessoal que pode ser um RG ou certidão de nascimento e a carteira de vacinação.

Deixe uma resposta