MDB escolhe conselho político de Tebet sem representante do Nordeste; Roseana e Sarney de fora

O MDB definiu nesta semana os nomes que indicará para o conselho político da campanha da senadora Simone Tebet (MDB-MS) à Presidência da República nas eleições de 2022.

Dos seis nomes escolhidos, porém, não há nenhum do Nordeste, região em que a maioria dos diretórios emedebistas têm demonstrado preferência por apoiar o ex-presidente Lula (PT). É o caso da ex-governadora Roseana Sarney, presidente do MDB do Maranhão, e do pai, o ex-senador José Sarney, que ficaram de fora e ainda não se posicionaram em relação à disputa presidencial, mas não têm demonstrado empolgação com o nome de Tebet.

Em entrevista à emissora de sua propriedade, Roseana disse que o desempenho de Simone Tebet está sendo analisado.

“O MDB nacional está apostando na candidatura da Simone Tebet, ela é uma mulher preparada, que tem ideias, uma representante que iria dar certo no nosso país, mas eu acho que saímos um pouco atrasado nessa disputa. De qualquer maneira, o MDB está lutando para que a Simone fique conhecida. Ela é uma pré-candidata, vamos torcer para que ela possa estabelecer a candidatura dela. Está sendo estudado qual o desenvolvimento da candidatura dela dentro do contexto brasileiro”, afirmou Roseana.

Os seis escolhidos para o conselho político de Tebet foram o ex-ministro Carlos Marun (MS); o senador Confúcio Moura (RO); os deputados Newton Cardoso Júnior (MG) e Dulce Miranda (TO); o ex-senador José Fogaça (RS) e Kátia Lobo (RJ), do MDB Mulher.

Deixe uma resposta