• Notinhas Rápidas

    Prestígio de Sarney com Lula

    Durante sua passagem por São Luís nesta sexta-feira(21), o presidente Lula deixou claro que o ex-presidente José Sarney é seu principal aliado político no estado. Durante discurso, fez questão de ressaltar que a inclusão da obra de expansão da Avenida Litorânea no PAC se deu a pedido de Sarney. “Posso negar um pedido do Brandão, mas não tenho coragem de negar um pedido do Sarney”, disse. Só não conseguiu tirar a refinaria de Bacabeira do papel, um dos maiores engodos eleitorais desse estado. Logo após o ato na Litorânea, Lula se deslocou para a residência da família Sarney. Veja no vídeo acima Marrapá.

    Favores

    Essa força de Sarney(que não serviu para tirar o estado da pobreza) com Lula não vem de agora. Enquanto presidente do Senado, Sarney atuou em defesa de Lula liderando as articulações políticas e garantindo a estabilidade para Lula governar, chegando a agir contra o impeachment do petista. Até hoje Lula nunca esqueceu os favores do ex-oligarca maranhense.

    Imprópria pra banho

    O ministro das Cidades, Jader Filho, destacou que a primeira obra do país do Novo PAC na área de mobilidade é a de expansão da Avenida Litorânea em São Luís. “Essa avenida tem faixa exclusiva para pedestres, tem ciclovia, tem faixa exclusiva para ônibus, vai ser uma beleza, vai ser linda. São Luís já é linda e vai ficar mais linda”, disse. O presidente Lula afirmou que cobraria o governador Carlos Brandão a conclusão da obra e, no dia da inauguração, tomaria um banho de mar. O que Lula não sabe é que a maioria das nossas praias estão impróprias para banho. “Espero que levem ele num ponto que não esteja impróprio”, observou a jornalista Giovana Kury.

    Camarão em alta

    Após quase ser barrado, o vice-governador Felipe Camarão recebeu um elogio daqueles do presidente Lula. “Como é que Deus faz um cara tão inteligente e esperto desse jeito”. Logo a chateação de Camarão passou a dar lugar a risos. Lula também fez elogios rasgados a cada um dos ministros, deputados e senadores maranhenses presentes. “Um companheiro que está me devendo um convite aos lençóis maranhenses que eu sei que ele tem uma casa boa lá. Ele é meio envergonhado, ele diz que não gosta de tirar foto, fica sempre pra trás, mas ele não tem cara de envergonhado não, ele é muito é vivo, e ele sabe o que está fazendo”, disse Lula se referindo ao senador Weverton. Já em relação ao ministro Fufuca, brincou: “Quando chamei o companheiro Fufuca para ser ministro, pensei: ‘Esse cara com esse nome nunca jogou bola’… Mas aí descobri que a pessoa não precisa ser boa em esportes, precisa ser boa de cabeça”. Realmente Lula é um encantador de serpente, como já dizia Ciro Gomes.

    Dino ovacionado 

    Quem foi lembrado de maneira especial no evento por Lula foi o ministro do STF, Flávio Dino, a “sucuri do Maranhão”, segundo o presidente. “Foi promovido para a suprema corte deste país”, disse Lula. Os presentes fizeram coro e ovacionaram o ex-governador. Veja no vídeo acima.

    ‘Ah é’?

    O presidente Lula ficou surpreso ao ouvir que no Maranhão há o ‘Maior São João do Brasil’. “Ah é? Eu não sabia, eu pensei que era em Caruaru (PE) e Campina Grande (PB)”, disse um Lula surpreso.

    Fica ou não fica

    Pairam dúvidas se o governador Carlos Brandão deixará o cargo para concorrer ao Senado, passando o bastão para o vice Felipe Camarão, ou ficará até o fim do governo apoiando outro nome para sucedê-lo. Ao falar que em 2026 o Maranhão seria o estado a dar mais votos a Lula, superando o Piauí, Brandão deixou no ar seu futuro político. “Na próxima eleição em 2026 nós vamos ganhar, não vamos, Iracema?!”. Lula já disse que quer o PT disputando a majoritária no estado. A vaga de senador ou governador será do partido.

    Pragmatismo

    Ainda durante o evento na Litorânea na capital, chamou a atenção o discurso enfático do ministro André Fufuca em favor da reeleição do presidente Lula. Nas redes sociais, internautas fizeram um antes e depois de Fufuca pedindo voto a Bolsonaro e agora com o mesmo arrojo a Lula. O tal pragmatismo do jogo político. https://x.com/JohnCutrim/status/1804499745290756432

    3 respostas

    1. Na TV você falou que o Maranhão é um estado miserável.
      Pegue o dicionário, aprenda o significado dessa palavra pra voltar usar-la na ocasião correta.

      Resposta:

      Dicionário
      Definições de Oxford Languages
      miserável
      adjetivo de dois gêneros
      1.
      muito pobre; paupérrimo.

      Maranhão é o Estado com mais pessoas vivendo na miséria, diz ONU

      Fonte: G1

      Um relatório divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU) demonstra o tamanho do desafio que governos e sociedade têm pela frente para tirar a população da pobreza, que foi aprofundada pela pandemia. Neste panorama da ONU, o Maranhão aparece como o Estado brasileiro que tem mais gente vivendo na miséria.

      Quase 20% da população maranhense vivia com renda mensal abaixo de R$ 145.

      Relatório inédito da Organização das Nações Unidas (ONU) que mostra que a pandemia agravou ainda mais a situação de desigualdade que existe no Maranhão há anos. O relatório foi elaborado por especialistas do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, junto como outros órgãos e o Fundo de Emergência Internacional das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

      1. Valeu Lucas. Essas imagens de Instagram.
        O Maranhão fica em uma cor mais pálida ou mais escura, depende do contexto.
        Mas tem uma icônica. Que mostra que o PIB da cidade de São Paulo é maior que muitos estados do Brasil e o Maranhão não figura nesse rol. Aí vem a cidade do Rio de Janeiro que consegue ter um PIB maior que vários estados do Brasil ainda.
        Eu vou em outras capitais do Brasil e vejo que são infestadas de moradores de rua o não vejo tanto assim em SL.
        A São Luís do mundo nível A, nunca Z

    2. Esse “não vamos, Iracema??” terá sido um recado de que Camarãozinho será escanteado em 2026 ?? Não existe ninguém besta em política e Brandão sabe disso. Sabe também que Camarãozinho surgiu pelas mãos de Flávio Dino, hoje ministro, mas sempre político…

    Deixe uma resposta