Roberto Rocha defende Bolsonaro: “O presidente errou em quê?”

Depois de ver os vídeos que foram compartilhados por Jair Bolsonaro em grupos de WhatsApp convocando para a manifestação do dia 15, o senador Roberto Rocha, líder do PSDB, mudou de ideia e disse a O Antagonista achar que foi “absurdamente desproporcional” a reação de seus colegas parlamentares.

“O presidente errou em quê? O vídeo conclama para uma manifestação a favor do presidente. Só isso. Por que o presidente, ele próprio, não pode divulgar esse vídeo?”

Ontem, Rocha havia criticado especificamente a nota de Celso de Mello, em que o decano do STF afirmou que Bolsonaro “não está à altura do altíssimo cargo que exerce”.

“O ministro Celso de Mello surpreendeu com um comentário tão equivocado quanto o gesto do presidente. Não foi o presidente que fez o vídeo, não foi divulgado em suas mídias sociais, onde ele tem dezenas de milhões de seguidores. Foi [divulgado] em seu grupo pessoal de WhatsApp, onde ele apenas compartilhou. Nem mesmo fez comentário algum. Menos mal”, comentou Roberto Rocha.

“Mesmo assim, acho que Bolsonaro não deveria tê-lo feito, pois trata-se do presidente de República”, acrescentou. Com informações do site Antagonista

Deixe uma resposta