São Luís 2020: Rubens Jr. reúne também condições de vencer Eduardo Braide

Faltando sete meses para as eleições municipais que definirão o sucessor do prefeito Edivaldo Holanda Jr., o cenário político mostra que o deputado federal Rubens Pereira Jr. reúne condições de vencer o também deputado federal Eduardo Braide no pleito, assim como outros nomes da base dinista.

Candidato oficial do PCdoB a prefeito de São Luís, partido do governador Flávio Dino,  Rubens mantém aproximação com o perfil progressista da agenda de programas sociais criadas pelo ex-presidente Lula e ampliadas pelo governador Flávio Dino, as duas lideranças políticas mais populares da capital.

Rubens Jr. tem pouca rejeição e transita com facilidade em todas as correntes ligadas aos 16 partidos da base de apoio do governador Flávio Dino, inclusive o PT. Em em um segundo turno contra Braide, teria o apoio de Dino, do prefeito Edivaldo e da maioria do candidatos do grupo.

Com forte atuação no Legislativo, onde atuou como líder da bancada de oposição do governo Roseana Sarney, em um dos mandatos de deputado estadual, Rubens foi um dos deputados federais com maior atuação na Câmara  Federal contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Na condição de Secretário de Cidades, Rubens Jr. também se destaca em relação à performance no executivo. Com pouco mais de um ano à frente da pasta, ele deve entregar um conjunto significativo de obras e programas para o Estado, a começar pela entrega de mais de 1600 habitações para moradores que antes viviam em aluguel social, além de programas de revitalização do Centro Histórico da cidade.

Com essas credenciais, Rubens Jr. deve se consolidar como nome para o enfrentamento à Braide.

3 pensou em “São Luís 2020: Rubens Jr. reúne também condições de vencer Eduardo Braide

  1. Kkkkkkkkkkk
    Está de piada,John Cutrim ???

    Vamos resumir o “Candidato”:
    1% das intenções de voto
    Fraco
    Perdido
    Sem expressão
    Se elegeu pela inelegibilidade do pai
    Vai gastar o dinheiro do governo do Maranhão

Deixe uma resposta