• Vídeo: Chiquinho FC diz que Brandão será decisivo na escolha do candidato e fala sobre acordo com Zito e Biné

    O pré-candidato a prefeito de Codó, empresário Chiquinho FC(PT), disse, nesta quinta-feira(20), em entrevista ao blog do John Cutrim, que acredita na união da oposição em torno do seu nome. (Veja no vídeo acima)

    “Eu peço essa oportunidade porque o Zito Rolim já foi prefeito dois mandatos, o Biné Figueiredo já foi prefeito dois mandatos, eu peço a eles que me deem uma oportunidade”, disse durante solenidade na Assembleia Legislativa de entrega do título de ‘Cidadão Maranhense’ ao empresário cearense Maurício Aragão Feijó.

    Chiquinho FC enfatizou que há um alinhamento entre ele, Zito e Biné e que uma reunião com o governo deve acontecer no Palácio dos Leões para a escolha do candidato a prefeito de Codó. “Essa união é firme e ninguém vai pro lado ou pro outro porque nós somos muitos experientes e amadurecidos”, garantiu ao blog do John Cutrim.

    “Eu tenho certeza que eu com o Zito não vai ter problema, a gente se entende da melhor forma possível. Eu espero que o Biné Figueiredo também seja essa mesma pessoa, que a gente também se entenda da melhor forma possível”, completou.

    De acordo Chiquinho, o governador Carlos Brandão terá papel decisivo na união do grupo oposicionista e na escolha do candidato. “O governador é a força maior e tenho certeza que ele fará a união do grupo”, assinalou.

    3 respostas

    1. Deus livre Codó desse homem. Ele manda no preço do gás, carne, gasolina, aluguel, quem ousar desafiar ELE RESOLVE baixando o preço até quebrar.
      Deus é mais e o Zito, Biné ou Dr Zé Francisco NÃO vão deixar esse homem com a concentração de empregos públicos e privados em suas mãos.

    2. Esse enriqueceu em cima de uma mão de obra barata, numa cidade sem os trabalhadores sem nenhum sindicato de representante dos trabalhadores e pagando só salário mínimo sem outra vantagem. Se for atrás é capaz de ter gente sem os direitos mínimos cumpridos.

    3. Papo furado demais.
      O governador negou o PSB para o Chiquinho. Mas deu o PSB para o Zito ser o candidato lá em Codó.
      Anotem aí, se o Zito viesse a apoiar o Chiquinho, o que é improvável, o Biné sairá candidato com chance até maior.
      E se houver esse racha, o prefeito Zé Francisco será o grande beneficiado.
      Não sou eleitor de Codó, mas se fosse, votaria no diabo mas não votaria em Chiquinho.
      Todo o Maranhão tem conhecimento que Chiquinho foi o administrador no mandato do Nagib, filho dele, que por grande desvio de dinheiro da prefeitura e má gestão o PDT vetou a reeleição dele colocando o Zito na disputa. Falam em Codó que o Chiquinho se revoltou com isso e tramou a derrota do Zito para o José Francisco.
      Muito se fala no meio político que ninguém tolera o Chiquinho e nem o filho deputado.

    Deixe uma resposta