A prioridade de gastos do partido de Josimar

O PL de Jair Bolsonaro não vai priorizar a campanha presidencial na hora de usar os R$ 283,22 milhões a que terá direito de fundo eleitoral.

A ordem de Valdemar Costa Neto é investir principalmente na campanha de deputados federais.

Bolsonaro terá, portanto, que apostar ainda mais em doações de particulares.

No Maranhão, o presidente do PL, deputado Josimar Maranhãozinho, avalia que o partido elege até quatro deputados federais.

Deixe uma resposta