Em novo documento, Ministério Público confirma que Braide é investigado

Em certidão emitida nesta quinta-feira (12), o Ministério Público Federal confirmou que o candidato a prefeito de São Luís (MA) Eduardo Braide é alvo de uma investigação.

O documento é assinado pela coordenadora jurídica e de documentação, Renata Castro Awada Fecuri.

O político disse, em debate na TV no mês passado, que não é, nem nunca foi investigado pela Polícia Federal.

Painel revelou, porém, que documento sigiloso do Ministério Público Federal datado de outubro do ano passado classificava Braide como investigado em um caso de desvios de recursos públicos.

A pedido do candidato, a juíza Cristiana de Sousa Ferraz Leite, da 76ª Zona Eleitoral do Maranhão, censurou a publicação.

Cumprindo a decisão, a Folha retirou o conteúdo do ar na segunda (9). A Folha protocolou um pedido de reconsideração que ainda não foi julgado. Da Folha de SP

4 pensou em “Em novo documento, Ministério Público confirma que Braide é investigado

  1. A pessoa que é investigada não prova que ela cometeu algum crime.
    Se ela já tivesse sido condenada aí sim poderíamos falar que ela é criminosa. Qualquer pessoa pode ser investigada pela policia ou órgão competente, e até que se prove que a mesma é culpada ela continua como inocente e sem nem uma condenação.

    • Essas coisas pequenas e ridículas acontecendo na política de São Luís. Parabéns Flávio Dino e Márcio Jerry, por fazer da nossa cidade um palaque de bobagens e meninices. Dois homens públicos de comportamentos questionáveis.

Deixe uma resposta