Flávio Dino desmente prefeita de Chapadinha em evento ao seu lado: “na internet se transformam”

Durante cerimônia de inauguração, neste sábado (9), de asfalto aplicado no município de Chapadinha, o governador Flávio Dino respondeu os ataques que a prefeita Belezinha fez contra ele no início da semana.

A gestora havia afirmado em pronunciamento oficial que ainda não teve ajuda do governo do estado para cuidar da Saúde em Chapadinha nos dez meses de administração até agora (veja no vídeo acima).

Já durante o ato, na frente do governador Flávio Dino, a prefeita Belezinha, que é do PL e aliada do deputado Josimar Maranhãozinho, mudou o tom falando até em parcerias do estado com o município.

Depois do discurso da prefeita, Dino uso a palavra e estranhou a diferença de comportamento do mundo virtual para o mundo real. “Há pessoas que se transformam na internet. Elas na nossa frente são pessoas de bom senso, mas quando chegam na internet se transformam e se danam a mentir”, disparou o governador. (veja no vídeo abaixo)

Mais a frente o governador repôs a verdade dos fatos. O governo federal envia R$ 75 mil para a UPA de Chapadinha e o governo estadual investe mais de R$ 4 milhões por mês no Hospital Regional.

“O nosso dinheiro existe, a pessoa vê. Enquanto tem gente que fala de dinheiro, dinheiro e dinheiro e ninguém vê”, disse o governador.

Frustrando a intenção da prefeita de receber recurso do estado nos cofres da prefeitura para administrá-lo por aqui, o governador propôs que o município entregue a gestão da UPA. As informações são do blog do Braga.

1 pensou em “Flávio Dino desmente prefeita de Chapadinha em evento ao seu lado: “na internet se transformam”

  1. Essa notícia é FAKE NEWS. O governador não desmentiu a prefeita, muito pelo contrário, ele confirmou em seu discurso que só envia verbas para o hospital regional, enquanto a saúde municipal de Chapadinha, responsável pelas unidades de saúde com urgência e emergência de portas abertas, sobrevive de recursos próprios, emendas parlamentares e uma pequena ajuda do governo federal.

Deixe uma resposta