Folha de SP: Segue indefinida permanência de Kátia Bogéa na presidência do IPHAN

O expurgo na Secretaria da Cultura deve poupar o diretor do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Paulo Amaral, alinhado ao novo titular da área, Roberto Alvim. Já a sucessão de Kátia Bogea na direção do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) segue indefinida.

Ligada ao grupo de Sarney, Bogea é vista como uma possível candidata do clã à Prefeitura de São Luís (MA) no ano que vem.

Deixe uma resposta