Para 70% dos brasileiros, Lula não deveria voltar às urnas em 2022

Enquanto o petismo sonha com uma chapa Fernando Haddad-Lula, levantamento nacional do Paraná Pesquisas mostra que a impopularidade do ex-presidente segue alta país afora.

Para 70% dos entrevistados pelo instituto, Lula não deve voltar às urnas em 2022. Os que torcem por uma candidatura são 26%, basicamente o público cativo petista de toda eleição.

Já para 65% dos entrevistados, mesmo que dispute, não será o principal rival de Bolsonaro. Novamente, o público cativo petista (30%) diz que ele poderá, sim, ameaçar a reeleição bolsonarista.

Para 64% dos ouvidos pelo instituto, a Justiça — no caso, o STF, que tem na pauta a anulação da condenação do petista — não deveria permitir a candidatura do ex-presidente, preso e condenado por corrupção na Lava-Jato. 31% dizem que a Justiça deveria, sim, deixar o petista concorrer.

Entre os dias 10 e 12, o Paraná Pesquisas ouviu 2.008 brasileiros em todas as unidades da federação. O grau de confiança do levantamento é de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2,2% para os resultados gerais. Veja

Deixe uma resposta