Veja os vídeos em que o presidente do PSDB despacha Wellington do Curso para apoiar Braide

O presidente municipal do PSDB, Roberto Rocha Jr. confirmou hoje (28) que o partido irá apoiar a candidatura a prefeito do deputado Eduardo Braide (Podemos).

Na sua fala, Roberto Jr. garantiu que Wellington do Curso tinha conhecimento do acordo feito em 2018 com Braide que, em troca da desistência da sua candidatura ao governo para apoiar Roberto Rocha, teria em troca o apoio dos tucanos em 2020 para disputar a Prefeitura de São Luís.

Segundo Rocha Jr., sabedor do acordo dos tucanos com o Podemos de Braide, Wellington chegou a procurar e conversar com outros partidos na tentativa de sair do PSDB e se viabilizar candidato a prefeito em outra legenda.

“Antes da janela partidária fechar para as filiações, o Wellington buscou, e até falou isso publicamente, que iria buscar outro partido para ser candidato, porque sabia que já existia, realmente, uma estratégia traçada com o Podemos e um acordo feito, publicamente diga-se de passagem, desde 2018, com o deputado Eduardo Braide. Portanto, obviamente, ele, na expectativa de ser candidato, tentaria buscar outro partido”, afirmou.

Sobre não ter dado carta de anuência para que Wellington pudesse sair do PSDB, o filho do senador Roberto Rocha respondeu: “Vocês bem sabem que o mandato é do partido e não da pessoa. Não existe candidatura de si mesmo. Fora isso, se nós estamos montando uma estratégia para unir toda a oposição, não faz nenhum sentido fazermos um movimento contra essa estratégia [dar anuência para Wellington concorrer por outra legenda] e favorável ao nosso adversário. E isso foi conversado com Wellington lá atrás. Não só conversado como acordado”, declarou.

Roberto Jr. ainda colocou como fator decisivo a liderança de Eduardo Braide nas pesquisas e a possibilidade de a oposição unida vencer no primeiro turno. “Pelo seu favoritismo, liderança nas pesquisas, margem de crescimento, baixa rejeição, resultados positivos nas qualitativas e por aglomerar outros partidos do campo da oposição, a gente anuncia, portanto, a decisão da nossa comissão e da direção nacional do PSDB que andaremos juntos e apoiaremos incondicionalmente o Braide que será o próximo prefeito de São Luís. Lamentamos a ausência nessa reunião do Wellington do Curso”, afirmou.

Deixe uma resposta