Líder do PSL reage à operação contra Bivar: Flávio e Queiroz devem se preparar para receber PF

O líder do PSL na Câmara, delegado Waldir (GO), disse à coluna que o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e o seu ex-assessor, Fabrício Queiroz, “devem preparar um cafezinho para receber a Polícia Federal em breve”.

Waldir afirmou que se o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, e o presidente do PSL, Luciano Bivar, já foram alvos da PF, e que “pela lógica os próximos devem ser Flávio e Queiroz”.

– Ou será que vai ser um tratamento diferenciado? – questionou o líder.

Ex-assessor de Flávio na Assembleia Legislativa do Rio, Queiroz fez movimentações suspeitas no valor de R$ 1,2 milhão, segundo o Ministério Público.

O delegado Waldir disse ainda que quando quando o presidente Jair Bolsonaro afirmou, na semana passada, que Bivar estava queimado, “ele já estava esperando a ação da PF contra o presidente do partido”.

– O presidente da República parece ter uma boa de cristal e já estava esperando essa operação. Acho que o Bivar deve ter aguardado os policiais com cafezinho e tapioca. O Globo

1 pensou em “Líder do PSL reage à operação contra Bivar: Flávio e Queiroz devem se preparar para receber PF

  1. No Brasil da eterna impunidade—os RATÕES/LADRÕES de bilhões do povo NÃO PODEM SER INVESTIGADOS, NEM PROCESSADOS e muito menos presos….Podem ROUBAR—ROUBAR—ROUBAR bilhões do povo numa boa–livres –leves e soltos.

Deixe uma resposta